Hospital da Rede Ebserh em Curitiba participa de estudo de novo medicamento para tratamento da Covid-19

O Complexo Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná e vinculado à Rede Ebserh (CHC-UFPR/Ebserh) está participando de um novo estudo voltado para o combate à Covid-19. O objetivo é avaliar a eficácia do Molnupiravir – um antiviral tomado via oral –  no tratamento e bloqueio da transmissão do vírus em 24 horas.

O medicamento foi desenvolvido para combater alguns vírus causadores de resfriado e cientistas documentaram que ele apresentou atividades contra o SARS-CoV-2, estudando seu efeito no tratamento da covid-19.

A responsável pela pesquisa no CHC, a médica infectologista Monica Gomes, explica que o Molnupiravir é um medicamento que pode atuar contra a Covid-19 de modo similar ao Ooseltamivir (Tamiflu), utilizado durante a pandemia do H1N1. “O Tamiflu era usado em até 36 horas do diagnóstico de H1N1 para diminuir o número de dias de doença e ter mais eficácia. Nesse estudo, com o Molnupiravir, a expectativa de uso é de até 7 dias após o início dos sintomas, com expectativa de reduzir a gravidade da doença e sua transmissão”.

A pesquisadora lembra que há estudos em animais que já demonstram que o Molnupiravir cessou a transmissão do vírus da Covid-19 após apenas 24 horas de uso.

Assessoria de Comunicação Social da Ebserh

Fonte: https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/hospital-da-rede-ebserh-em-curitiba-participa-de-estudo-de-novo-medicamento-para-tratamento-da-covid-19